Carregando Eventos

Violência, Gênero e Raça: Resistência e caminho de superação

Nas sociedades brasileira, latino-americana e caribenha as assimetrias de raça e de gênero integram o cotidiano das relações sociais, que resultam em violências perceptíveis nas estatísticas e nos depoimentos de mulheres, em especial as negras e indígenas, em espaços onde podem ser ouvidas.

Os dados estatísticos revelam a presença das mulheres nos diferentes indicadores de vulnerabilidade social. Elas vivenciam exclusões socioeconômicas, políticas e culturais e sofrem as consequências do racismo, do sexismo e da intolerância em experiências de violência verbal, física e psicológica.

A violência social, de gênero e de raça tem suas causas na estrutura social excludente, que naturaliza a sua invisibilidade e justifica a discriminação e preconceitos contra estes grupos.

O Curso Latino Americano de Pastoral e Relações de Gênero trará este tema para o debate de forma a contribuir com a compreensão das origens e consequências da violência contra as mulheres. Diante desta proposta, o curso terá por objetivos:

a) aprofundar a reflexão sobre as questões de gênero e raça nas sociedades brasileira, latino-americana e caribenha, enquanto elementos que estruturaram discriminações e desigualdades;

b) oferecer ferramentas de análise para a compreensão do fenômeno de violência vivido pelas mulheres;

c) construir caminhos de resistência e de superação da violência, buscando o rompimento da omissão, do silenciamento e da indiferença com as desigualdades de raça e de gênero gênero;

d) contribuir com o fortalecimento de ações que possibilitem superar as violências atuais e propor caminhos para que as novas gerações, de mulheres e de homens, não herdem os efeitos da violência estrutural vivida na atualidade e proponham novos modos de vida e de relações horizontais e fraternas entre os gêneros.

O Centro Ecumênico de Serviço à Evangelização e Educação Popular – CESEEP oferece espaço para o estudo e aprofundamento dessas questões com uma abordagem multidisciplinar, a partir de diferentes ângulos: econômico, político, social, cultural, ambiental, teológico e de gênero.

Com base na metodologia da Educação Popular o
curso favorece um intercâmbio pluricultural das experiências e sonhos dos participantes no campo teórico e de suas práticas políticas, sociais e culturais.

Faça suas inscrições (clique aqui)

Inscrição e estudo – $ 250
Hospedagem e Alimentação – US$ 200
TOTAL (em dólares) – US$ 450
TOTAL (em reais) – R$ 1.545,00

Conteúde e Assessoras/es

Aprendizado das línguas: português e espanhol e Integração do grupo.

Ir. Dirce Pontes – Assistente Social

Caminhos históricos da violência contra a mulher Pe. José Oscar Beozzo – Teólogo e Historiador Relações de Gênero/Raça (Oficina)

Suelaine Carneiro – Socióloga

Ecumenismo e Diálogo-Inter-religioso

Wagner Lopes Sanchez – Professor e Teólogo

Espiritualidade Ecumênica e Inter-religiosa

Cecília Bernardete Franco – Teóloga

Feminismo no Brasil

Schuma Shumaher – Pedagoga

Violência Doméstica

Dra Claudia Luna – Advogada

Masculinidades.

Flávio Urra – Sociólogo

Diversidade e Identidade de Gênero

Neon Cunha – Educador Social

Leitura Feminista da Bíblia

Odja Barros – Biblista

Mulheres na Cultura e Religiosidade Afro-Brasileira

Alessandra Ribeiro – Antropóloga

Feminismo na América Latina

Yury Puello Orozco – Filósofa e Cientista da Religião

2 Comentários

  1. Esther Vieira Oruê 9 de outubro de 2018 at 20:17 - Reply

    Ola tudo bem?
    Gostaria de saber se tem algum tipo de bolsa esse curso.

  2. Raquel Aparecida AUGUSTO 15 de outubro de 2018 at 14:29 - Reply

    Estou muito feliz por mais uma vez participar do curso de gênero..Participei no ano de 2018 e foi uma experiencia
    unica, os palestrantes os cursistas amigos as experiencias trazidas de todos os cantos.Amei estou ansiosas pelo dia 21 de janeiro.

Deixe um Comentário

Calendário gerado por The Events Calendar