CESEEP apoia GREVE GERAL do dia 14 de junho de 2019

O CESEEP é uma Instituição de formação e capacitação comprometida com os valores conquistados na Declaração Universal dos Direitos Humanos. Inspira-se nos valores evangélicos cristãos e está aberto ao diálogo inter-religioso. Não pode, portanto, neste momento histórico do país omitir-se diante da realidade que assola o povo brasileiro, com claros prejuízos à classe trabalhadora, aos empobrecidos e vulneráveis.  A omissão é um dos piores pecados denunciados pelo Apocalipse: “Assim, porque és morno, e não és frio nem quente, vomitar-te-ei da minha boca” (Ap 3, 16).

Por isso:

  1. Diante da grave situação social e política pela qual passa o nosso país, onde o desemprego tem aumentado a cada dia, apesar das promessas de que o mesmo diminuiria após a dita Reforma da CLT. Esta serviu apenas para reduzir direitos, sem ampliar a oferta de empregos;
  2. Diante da eminência de aprovação da denominada “Reforma da Previdência” que, na prática, será o fim da Previdência social. Esta amplia o tempo de contribuição dos trabalhadores e ainda que entrem cedo no mercado de trabalho, será ainda exigida uma idade mínima, o que pune os mais pobres;
  3. Diante do fechamento dos colegiados (conselhos e outras formas de agremiação de controle social), em que a sociedade civil perde o espaço de participação, deixando-se as decisões nas mãos de poucos que não tem mostrado interesse na solução dos problemas, nem estão dispostos a garantir direitos fundamentais dos cidadãos, como trabalho, saúde, moradia, educação etc.

O CESEEP coloca-se do lado dos/as trabalhadores/as junta-se à sua luta em favor da justiça social e pela garantia de direitos, especialmente em relação ao ao trabalho e à seguridade social.

É hora de não se calar e, de pacifica e ordeiramente, protestar contra esta situação, na defesa da dignidade da pessoa humana, dos direitos dos cidadãos, do bem do país e de sua soberania e do cuidado e preservação da nossa Casa Comum. (Incisos I a III do artigo 1º da Constituição). O evangelho nos alerta “se eles se calarem, as pedras gritarão” (Lc 19, 40).

2019-06-13T15:50:29-03:00

Deixe um Comentário