Natal da vitória por José Vanin Martins

Dois milagres. O casal humilde, com o dom musical dos anjos celestes anunciava com alegria: VITÓRIA É O SEU NOME. Pertencem ao Grupo de Louvor. Na festa antecipada do Grupo de Louvor, em preparação do natal, o casal estava ausente; estava na maternidade. Logo o celular toca e anuncia: A VITÓRIA NASCEU. A festa ficou mais completa. Era uma alegria só.

Seguiram as primeiras notícias. Foi cesariana. Parto difícil de sete meses. No parto quebraram o bracinho da VITÓRIA. Ficaria internada e precisou ser entubada. A mãe também precisou de cuidados especiais.

Começaram as visitas. O grupo tomou conhecimento das verdadeiras necessidades. Local empobrecido onde moravam. Melhor que uma manjedoura?! Superava o amor. Veio a compaixão. O grupo tornou-se um hino de achego. A maestrina ecoou sua voz. 

Membros se revezaram oferecendo todo apoio. Até o local para acolher a VITÓRIA precisaria de uma transformação. Não só faltava muita coisa, mas até as condições da manjedoura precisaria ser melhorada. É de aluguel. Vieram ofertas de novos móveis, roupas e reforço para alimentação. 

O apoio foi chegando. Ofereceram até a complementação, por seis meses, para alugar uma manjedoura melhor. A VITÓRIA está juntamente com a mãe, vencendo as dificuldades de cada dia. O casal em cada presente sente a presença de um dos reis magos. 

 Todos cantam oram e confiam que até no dia do NATAL aconteça o milagre da vitória da vida e da saúde e ver o casal em sua nova casa, embora ainda de aluguel.

 NATAL DA VITÓRIA E VITÓRIA DO NATAL.   O Grupo de Louvor compreendeu e viveu o verdadeiro espirito do NATAL. Os anjos do céu unem se ao grupo de louvor por mais este nascimento. Jesus a criança de ontem agradece tanto amor 

2018-12-11T08:26:24+00:00

Deixe um Comentário