Espiritualidade -Vanin Martins

          Gosto da explicação de que a ESPIRITUALIDADE É A CASA DE TODAS AS RELIGIÕES. Nela convivem os hinduístas, os budistas, os animistas, os islamitas, os judeus e os cristãos em sua imensa variedade de denominações. É entregar minha vontade e minha vida a um SER SUPERIOR a mim mesmo, na forma em que O concebo, segundo me ensina o terceiro passo do AA (Alcoólicos anônimos). A espiritualidade que envolve esta busca de um SER SUPERIOR é PLURALISTA. É de muitas e diferentes formas.  

            Creio que sou um ser espiritual. Estou à minha maneira em busca deste Deus. E parafraseando Paulo digo: “mesmo que seja às apalpadelas…, pois é ele quem me dá vida, respiração e tudo o mais, pois nele vivo, me movo e existo. Sou da raça do próprio Deus’. At 17,22-28”.  Eu O compreendo como sendo o DEUS DE JESUS CRISTO.

            Cristãos são todos aqueles que procuram encontrar-se com Deus tornando-se discípulos de Jesus. Os cristãos estão distribuídos entre muitas e diferentes denominações. A espiritualidade da parcela cristã nesta mesma busca recebe o nome de ECUMÊNICA…,  deve visar, pelo menos, a unidade entre os cristãos.

            Busco em minha espiritualidade ser discípulo de Jesus. Para ser seu discípulo Jesus coloca sua exigência: “34 Eu dou a vocês um mandamento novo: amem-se uns aos outros. Assim como eu amei vocês, vocês devem se amar uns aos outros. 35 Se vocês tiverem amor uns para com os outros, todos reconhecerão que vocês são meus discípulos João 13,34».

          João, o discípulo amado concluiu: “20 Se alguém diz: «Eu amo a Deus», e no entanto odeia o seu irmão, esse tal é mentiroso; pois quem não ama o seu irmão, a quem vê, não poderá amar a Deus, a quem não vê”  1João 4,20-21.

           Jesus veio para construir a unidade entre todos. FAZER A VONTADE DO PAI. A vontade do PAI é que todos SEJAM UM. 

           Concluo, espiritualidade é o exercício de todo o dia, de toda hora, ver e AMAR O OUTRO, o diferente, seja quem for; nacionalidade, cor, gênero, crença, religião, condição social, escolhas pessoais, como sendo o próprio DEUS. A espiritualidade de quem quer ser cristão é sempre PLURALISTA em busca da unidade.

            Confesso que ainda sou um pequeno aprendiz nesta maneira de amar.

2019-10-10T11:36:20-03:00

Deixe um Comentário